x
×
Siga o Top de Marcas nas redes sociais
Branding

O que aprendemos sobre comunicação com o BBB 21

boneco-bbb

O programa Big Brother é um verdadeiro fenômeno mundial. O reality show, criado pelo empresário John de Mol Jr na Holanda em 1999, levou o nome “Grande Irmão” inspirado pelo livro 1984, do famoso escritor britânico George Orwell. Desde a sua primeira edição o Big Brother é um sucesso e atualmente acontece em mais de 60 países. 

No Brasil esse fenômeno não é diferente. A emissora Globo comprou os direitos autorais do programa em 2002, quando realizou sua primeira edição. O programa já revelou famosos nas áreas de teatro, música, dança e até política. Além da sua trajetória que marcou a mídia, as últimas versões do Big Brother nos dão uma verdadeira aula de comunicação. 

Aproveitando todos os meios midiáticos

Depois de uma temporada de baixa audiência em 2019, o diretor do BBB João Bonifácio Oliveira, ou Boninho, resolveu inovar e convidar algumas celebridades para o programa, mudando completamente o formato e também o impacto. 

Você pode não conhecer seu trabalho, mas com certeza ouviu falar da cantora e atriz Manu Gavassi nos últimos tempos. A artista foi uma das participantes do BBB 20 e esteve em um paredão histórico com o arquiteto Felipe Prior, batendo recorde de audiência da emissora e entrando para o Guinness Book com a maior quantidade de votos num reality, somando mais de 1 bilhão. 

Manu inovou a história do BBB sendo a primeira a usar as redes sociais de maneira preparatória para o programa. Com vídeos, fotos e conteúdos virais. Ela usou todas as ferramentas disponíveis no Twitter e Instagram para divulgar sua vivência e também seu trabalho, que decolou depois do programa.

O poder das redes sociais

O desempenho de Manu no BBB foi um conjunto entre suas ações dentro da casa e uma estratégia de marketing bem articulada, o que refletiu em todos os participantes dessa edição. Basta abrir as redes sociais, sites de fofocas e até outros jornais para descobrir que temos outro fenômeno neste ano, a paraibana Juliette Freire. A sister já soma 17 milhões de seguidores no Instagram e se torna a participante mais seguida de todas as edições. 

Entrar no perfil de Juliette é dar de cara com uma aula de social media. Toda sua comunicação, tanto escrita como visual, é voltada para conquistar e, por mais simples que pareça, isso exige um verdadeiro estudo de mercado. É preciso conhecer seu público, sua idade, o que ele gosta, que cores tem mais influência sobre ele para o impactar tão rapidamente. 

Comunicando e movendo montanhas (de seguidores)

Como falamos ali em cima, o desempenho dos participantes no jogo tem influência direta em como o público o enxerga aqui fora e é por isso que o reality mostra a importância do controle de crise. O início do BBB21 foi marcado por personagens polêmicos como Karol Conká e Lucas Penteado, envolvidos em algumas discussões na casa. Além de Conká e Penteado, chama muito a atenção o desempenho das assessorias, especialmente na saída dos participantes que conseguiram transformar as polêmicas em aprendizados e também em produtos e vendas. 

Estamos acompanhando o resultado de uma boa construção de imagem nesta edição do BBB21 e podemos levar esses conceitos como dicas para o dia a dia dos negócios. Um estudo de mercado detalhado ao lado de profissionais especializados é a verdadeira receita do sucesso da sua divulgação e busca de posicionamento no mercado. 

Pesquisa
Realização
Scroll Up